A equipa catalã colocou-se em vantagem aos 71 minutos, através de um golo de Keita, mas o Osasuna de Camacho, nunca baixou os braços e num lance feliz viu o defesa central do campeão europeu, Piqué, fazer um autogolo já em período de compensações.

O Real Madrid, depois da humilhante e estrondosa derrota frente ao Alcorcón, da II Divisão B espanhola, por 4-0, para a Taça do Rei, que provocou ondas de choque em torno do Santiago Bernabéu, cumpriu a sua obrigação ao bater o Getafe através de dois golos assinados pelo argentino Higuaín.

A equipa de Cristiano Ronaldo, que ainda não pôde dar o seu concurso à equipa, a recuperar da lesão no tornozelo, aproveitou o deslize do principal rival, num jogo em que Manuel Pellegrini surpreendeu ao deixar o capitão Raúl no "banco", só entrando aos 77 minutos, a render a figura do jogo, Higuáin.

O defesa central português, Pepe, foi titular, frente ao mesmo adversário que em jogo da época passada acabaria expulso, por agredir um adversário a pontapé, o que lhe valeria um castigo de dez jogos de suspensão.

O perseguidor do duo da frente, o Sevilha, também jogou hoje e venceu fora o Xerez, por 2-0, com golos de Negredo, aos 42 minutos, e Luís Fabiano, aos 89, somando agora 19 pontos, a três do Real Madrid e a quatro do Barcelona.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.