O presidente do Conselho Superior de Desporto (CSD) espanhol afirmou hoje que “nada justifica os insultos” feitos na segunda-feira, durante um treino da seleção de futebol, a Gerard Piqué, por este defender a independência da Catalunha.

“Nada justifica os insultos aos jogadores, ainda menos quanto representam a seleção nacional. O desporto deve ser uma forma de união, estar acima das diferenças”, afirmou José Ramón Lete.

Na segunda-feira, Piqué foi vaiado pelos adeptos da seleção espanhola de futebol, durante o treino da equipa, na Cidade do Futebol espanhola, em Madrid, com gritos como: “Piqué, cabrão, fora da seleção" e “fora, fora”.

O jogador catalão, que se tem manifestado publicamente a favor do referendo sobre a independência na Catalunha, esteve apenas 23 minutos no relvado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.