Pep Guardiola não quer que se tirem segundas interpretações da demonstração de força do Barcelona em Almería, onde os catalães conseguiram uma histórica goleada por 8-0, naquele que foi o último jogo da Liga antes do grande duelo com o Real Madrid, no dia 29.

"Não jogámos para avisar ninguém, mas sim com respeito ao adversário e cumprimos a obrigação de ganhar o jogo", afirmou o técnico do Barcelona após o jogo deste sábado, frisando que o resultado "foi uma excepção no percurso do Almería".

Contudo, a goleada teve como consequência a demissão do seu amigo, o treinador Juanma Lillo. "É uma situação incómoda, para ele e para mim. Tenho uma relação muito boa com ele há muitos anos, é uma pessoa fantástica e um grande treinador", vincou.

Sobre a partida, Guardiola limitou-se a sublinhar a tremenda eficácia dos seus jogadores. "Não é fácil falar depois de um resultado tão desnivelado. Rematámos muito e fomos eficazes... tudo o que aconteceu foi por mérito nosso", concluiu. 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.