O defesa central disse nunca ter "receado pela sua continuidade" no clube, apesar de as negociações se terem arrastado durante meses.

O prolongamento de contrato foi formalizado sob o testemunho do empresário de Marquez, o português Jorge Mendes, e de um grupo de responsáveis dio clube encabeçado pelo presidente, Joan Laporta.

Aos 30 anos, Marquez prometeu que manterá uma "mentalidade forte", com o propósito de continuar "a render ao mais alto nível" e poder assim "terminar a carreira" no clube catalão.

O presidente Joan Laporta mostrou-se "muito satisfeito" com o acordo, por considerar Rafael Marquez "um jogador emblemático que tem um excelente palmarés e que já demonstrou a sua qualidade desportiva e humana".

A renovação de Marquez é a oitava do actual plantel nos últimos cinco meses, depois de Touré, Valdés, Pedro, Messi, Puyol, Abidal e Iniesta.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.