O colosso Real Madrid ainda esteve a perder durante 52 minutos. Um golo do francês Trezeguet, aos dois minutos de jogo, levaram a equipa do Hércules a vencer para o intervalo.

Mas na segunda parte, eis que o génio de Ronaldo e do ex-benfiquista Di Maria emergiram para o triunfo madrileno.

Aos 52’, remate de Ronaldo, defesa do guardião do Hércules, mas Angelito na recarga não perdoou.

Aos 81’, recarga de CR7 a remate de Benzema e perto do final, o português de novo na cara do golo a não perdoar e cada vez mais perto de ser o melhor marcador da liga espanhola, onde já leva 12 golos.

O Real de Mourinho continua lider da liga espanhola.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.