No momento da consagração da quarta Bola de Ouro pela revista francesa France Football, Cristiano Ronaldo foi confrontado com as notícias que têm vindo a público sobre uma alegada evasão fiscal.

O português começou por dizer que a situação o tem afetado, mas reiterou a sua inocência.

“Claro que afetou, mentiria se disse que não. Não sou hipócrita: não me fez nenhum bem. Todo processo afeta as pessoas que estão à minha volta. Tento fazer bem as coisas e ser transparente. Não tenho razões para mentir”, afirmou à France Football.

O avançado do Real Madrid nega que tenha feito algo de errado: “Há muitos inocentes na prisão: é assim que me sinto. Sei que não fiz nada de errado e dizem que fiz algo irrepreensível. Ninguém pode ficar contente quando tal acontece”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.