A SAD do Cova da Piedade falhou a certificação da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e não poderá inscrever-se nos campeonatos nacionais na próxima época, disse hoje o presidente do clube, Paulo Veiga.

A informação foi confirmada à agência Lusa por uma fonte ligada à sociedade desportiva dos piedenses, que apesar de ter garantido a manutenção na Liga 3, não vai poder disputar sequer o Campeonato de Portugal, quarto escalão competitivo português.

Desta forma, acrescentou a mesma fonte, o Cova da Piedade SAD deverá prosseguir a atividade na I Divisão da Associação de Futebol de Setúbal.

Segundo Paulo Veiga, o clube aguardou por um acordo com a SAD até ao encerramento do processo de certificação, mas não houve entendimento entre as partes e a sociedade desportiva falhou, desta forma, o prazo para concluir o processo de certificação para as competições da FPF.

O clube encontra-se, há vários anos, em litígio aberto com a SAD, que este ano disputou os seus encontros da Liga 3 no Estádio das Seixas, na Malveira da Serra, abandonado o Estádio Municipal José Martins Vieira, em Almada.

O Cova da Piedade vai a eleições na sexta-feira e Paulo Veiga, que lidera a única lista candidata, lembrou que os associados decidiram, recentemente, em assembleia geral, avançar com o “pedido de insolvência da SAD”.

No final da época passada, o Cova da Piedade foi despromovido administrativamente à Liga 3, após garantir a manutenção na II Liga, por ter falhado os prazos de inscrição nas competições profissionais.

Volta, desta forma, a descer administrativamente, dois escalões, apesar de ter garantido a manutenção na Liga 3, terminando em 2.º lugar na Série 5 da fase de manutenção.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.