Uma posse de bola de 34 contra 66%. Apenas quatro remates, contra 17 do Marselha. Estes números resumem bem a noite do Sporting em Alvalade frente ao emblema francês.

Num jogo em que o Sporting aos 20 minutos se viu a jogar com 10 unidades, depois da expulsão de Ricardo Esgaio (viu dois cartões amarelos), os verdes e brancos também ficaram em desvantagem , depois da grande penalidade convertida por Guendouzi.

LEIA A CRÓNICA DA PARTIDA E VEJA AQUI OS GOLOS

Com Porro ainda sem estar a 100%, o lateral Esgaio foi aposta, assim como Franco Israel depois da expulsão de Adán, oito dias antes em Marselha.

Foram os franceses que iniciaram o encontro de forma mais acutilante e a querer assumir as rédeas da partida. Quanto ao Sporting pretendia a pouco e pouco assentar o seu jogo, quando se deu o lance capital. Esgaio tocou Harit na área e o árbitro Hernández não teve dúvidas, assinalando grande penalidade. Estava feito o primeiro do Marselha.

Amorim viu-se obrigado a mexer, mas as substituições não tiveram o efeito desejado. Saiu Morita, um dos esteios do miolo leonino, para a entrada de Fatawu. O Marselha aproveitou a desorientação do Sporting para chegar ao 2-0, numa jogada da autoria de Harit. Corrida pela direita, seguida de passe atrasado para a finalização certeira de Alexis Sánchez.

Pouco depois, o treinador do Sporting teve que fazer novamente alterações, desta feita no setor mais recuado. Coates lesionou-se, entrando Marsá e Sotiris, para os lugares do uruguaio e de Marcus Edwards. Os leões só atiraram à baliza uma vez durante toda a primeira parte, num remate de Trincão para as mãos de Pau López.

No início da segunda parte, Amorim substituiu um dos jogadores que estava a dar melhor conta de si, Francisco Trincão e lançou Nazinho. A equipa não melhorou, manteve-se curta e incapaz de criar problemas aos homens comandados por Igor Tudor.

O leão soube complicar ainda mais a sua vida, depois de Pedro Gonçalves ter sido expulso - viu dois cartões amarelos, o segundo por protestos. Não será opção para a partida em Londres frente ao Tottenham.

Já com o Marselha com o jogo no bolso, o marcador manteve-se no 2-0 para os franceses. Agora o Sporting terá que fazer pela vida, se quiser ter uma palavra a dizer no que diz respeito ao apuramento para os oitavos.

Momento

A falta de Esgaio e a respetiva expulsão. Para além de ter sofrido o golo, na sequência de uma grande penalidade, o Sporting viu-se reduzido a 10 unidades e praticamente entregou aí o jogo ao adversário. Não mais os verdes e brancos foram capazes de meterem em xeque o oponente.

Melhores

Amine Harit

O jogador marroquino foi quem esteve em maior destaque na partida. É ele quem sofre a grande penalidade que motivou a expulsão de Esgaio e deu o primeiro da partida ao Marselha. Fez também a assistência para o golo de Alexis Sanchez. Foi sempre um quebra cabeças para os jogadores do Sporting.

Francisco Trincão

Estava a ser o jogador em maior destaque dos leões aquando da sua saída. Ainda durante a primeira parte fez o primeiro remate à baliza do Marselha.

Piores

Pedro Gonçalves e Esgaio

As ações dos dois jogadores prejudicaram diretamente a equipa que terminou o jogo com apenas nove jogadores de campo. O Sporting vai ficar sem os dois atletas para o embate em Londres frente ao Tottenham.

Reações

Amorim: "Enquanto eu aqui estiver não há nada que se possa fazer ao Esgaio"

Nuno Tavares: "Em vez de mandar 'bocas, Amorim devia preocupar-se mais em manter os seus jogadores dentro de campo"

Jogadores do Sporting comentam derrota: Coates fala em detalhes, Israel diz que vermelho de Esgaio mudou tudo

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.