O Benfica esteve prestes a vencer na Alemanha pela primeira vez na Liga dos Campeões. Num terreno onde só tinha somado derrotas na prova milionária, os 'encarnados' chegaram aos 89 minutos a vencerem por 2-0, altura em que o RB Leizpig reduziu. Nos descontos, a formação alemã empatou o encontro, eliminando assim o Benfica da Liga dos Campeões.

O empate é o primeiro conseguido pelos 'encarnados' em solo germânico para Liga dos Campeões. Nos anteriores 11 encontros, os campeões nacionais tinham perdido sempre.

Se estendermos esta análise para todas as provas da UEFA, aí já encontramos... duas vitórias em 27 jogos na Alemanha. O último desses dois triunfos ocorreu em 2013, então nos 16 avos-de-final da Liga Europa, quando um golo de Óscar Cardozo valeu uma vitória por 1-0 em casa do Bayer Leverkusen. E o outro sucesso em terras germânicas tinha acontecido precisamente na deslocação anterior, por 2-0, sobre o Estugarda, então com golos de Salvio e, uma vez mais, Cardozo.

Portanto há 18 derrotas do Benfica, seis empates, 23 golos marcados e sofreu 66 sofridos nas deslocações à Alemanha.

Esta foi a terceira época consecutiva em que o Benfica falhou o acesso aos oitavos-de-final da Liga dos Campeões. Aliás, nas últimas dez temporadas, só por três vezes o Benfica passou da fase de grupos: 2011/2012, 2015/2016 e 2016/2017.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.