Paulo Fonseca tem feito um bom trabalho no Shakhtar Donetsk e os jogadores são os primeiros e elogiar o trabalho do técnico português.

Bernard, jogador brasileiro do clube ucraniano, deixou muitos elogios a Paulo Fonseca. O atleta 'canarinho' referiu, em entrevista ao jornal Lance, o papel que o técnico tem tido na equipa.

"Nos primeiros três anos não tive muitas oportunidades, também tive alguns problemas com o anterior técnico [Mirce Lucescu]. Desde a chegada do Paulo Fonseca que tenho sido titular. A minha primeira época com ele foi muito boa. Esta está a ser ainda melhor e estou a mostrar aquilo que sou capaz de fazer. A forma de jogar da equipa mudou bastante – Paulo Fonseca deu uma nova identidade à equipa. Os jogadores absorveram bem as ideias dele. Não fui só eu que cresci, mas toda a equipa", referiu o jogador, que deixou uma 'farpa' ao antigo treinador.

"Não consegui crescer nos três anos anteriores. O antigo treinador não tinha uma mente tão aberta e acabei por sair prejudicado. Não são só os jogadores que precisam de tentar evoluir. No futebol não podemos acomodar-nos porque há sempre outro jogador mais motivado que chega e agarra a oportunidade. Os treinadores também são assim. Têm de procurar novos conhecimentos, evoluir e adaptar-se ao futebol moderno. Paulo Fonseca é assim. Deu uma nova cara à equipa e os resultados são prova disso."

A boa campanha do Shakhtar Donestk, que conseguiu qualificar-se para os oitavos de final da Liga dos Campeões, num grupo onde estava Manchester City, Nápoles e Feyernoord, também foi motivo de destaque.

"Depois do sorteio, as pessoas diziam que nem à Liga Europa iríamos. No final fizemos 12 pontos num grupo difícil. Na temporada passada vencemos todas as competições internas. O que estamos a fazer em campo mostra o grande trabalho de Paulo Fonseca", elogiou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.