A UEFA alargou os prazos para a realização de encontros da fase a eliminar da Liga dos Campeões e da Liga Europa de futebol, devido aos constrangimentos causados pela pandemia de COVID-19, informou hoje o organismo.

Com vários países a colocarem restrições nas viagens internacionais, devido ao agravamento da pandemia, a UEFA divulgou hoje a atualização dos regulamentos das competições europeias, abrindo a possibilidade de se jogarem partidas em campos neutros.

Os encontros dos oitavos de final da Liga dos Campeões, nos quais o FC Porto defronta a Juventus, equipa de Cristiano Ronaldo, têm de ser jogados até 02 de abril, sendo que a primeira mão está marcada para 16, 17, 23 e 24 de fevereiro e a segunda para 09, 10, 16 e 17 de março.

O encontro entre os 'dragões' e a equipa de Cristiano Ronaldo não deverá apresentar problemas, uma vez que as deslocações entre Portugal e Itália são permitidas e não obrigam a uma quarentena, mas apenas a um teste negativo ao novo coronavírus.

O mesmo deve acontecer nas partidas entre Sporting de Braga e Roma, treinada por Paulo Fonseca, dos 16 avos de final da Liga Europa, marcadas para 16 e 25 de fevereiro.

Mais complicado poderá ser a eliminatória da Liga Europa entre o Benfica e o Arsenal, uma vez que as viagens comerciais entre os dois países estão suspensas e ambos exigem uma quarentena de 14 dias à chegada.

Para os 16 avos de final da Liga Europa, a UEFA dá como limite o dia 05 de março para a realização da eliminatória.

No mesmo documento, a UEFA estabelece datas limites para os clubes comunicarem se não forem obtidas exceções que permitam a realização de encontros no seu país, com 08 de fevereiro a ser a data limite para a primeira ronda a eliminar das duas competições europeias.

"Se as restrições impostas pelas autoridades nacionais/locais do clube da casa se aplicarem ao clube visitante, o clube da casa têm de propor um local alternativo, que pode ser num país neutro (dentro do território da UEFA), que permita que o encontro decorra sem qualquer restrição para ambos os clubes", lê-se.

As restrições às viagens ameaçam vários encontros da fase a eliminar das competições europeias, como as partidas entre os ingleses do Manchester City e do Liverpool e os alemães do Borussia Monchengladbach e do Leipzig, respetivamente.

Caso não seja possível realizar o encontro, devido aos constrangimentos de uma das equipas, a UEFA punirá esse clube com uma derrota por 3-0.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.