O Lyon qualificou-se hoje pela segunda vez para as meias-finais da Liga dos Campeões de futebol, ao vencer o Manchester City, por 3-1, defrontando na próxima ronda o Bayern Munique.

No Estádio José Alvalade, em Lisboa, Maxwel Cornet (24 minutos) e Moussa Dembélé (79 e 87) marcaram os golos do conjunto francês, com Kevin De Bruyne (69) ainda a empatar para os 'citizens', que 'caíram' pela terceira vez consecutiva nos 'quartos'.

Especial Liga dos Campeões: Acompanhe todas as decisões com o SAPO Desporto! 

No final da partida, Pep Guardiola afirmou que a sua equipa pagou caro pelos erros que cometeu. "Tivemos a sensação de que fomos melhores na segunda parte, mas tínhamos de ser perfeitos em eliminatórias a um jogo nesta competição e nós não o fomos", começou por dizer.

Na memória do treinador espanhol estava ainda o falhanço de Sterling, que podia ter dado o 2-2. "Naquele momento tens de fazer o empate para forçar o prolongamento. Depois concedemos o terceiro e acabou. Criámos mais oportunidades e rematámos mais. Estamos desapontados. Agora vamos de férias e depois temos de levantar o ânimo", acrescentou.

"Temos de quebrar esta barreira que nos separa das meias-finais. A equipa já merecia ao longo dos últimos anos. Talvez um dia quebremos essa barreira", vincou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.