O avançado do Shakhtar Donetsk Luiz Adriano pediu desculpas, dois dias depois, pelo golo polémico que marcou ao Nordsjaelland e que deu o empate à equipa ucraniana,.

«Percebi o que tinha acontecido e alterei por completo a minha opinião sobre o lance. Lamento muito que isto tenha acontecido, peço desculpas a todos aos adeptos do Shakhtar e à UEFA. Sempre respeitei, respeito e vou continuar a respeitar as regras do ´fair play`. Mais uma vez, peço desculpas pelo sucedido e prometo que uma coisa destas não volta a acontece», prometeu o brasileiro.

Luiz Adriano assume que estava focado no encontro e que não viu que a bola lançada era uma reposição, depois de um dos jogadores da equipa dinamarquesa se ter lesionado e a bola ter sido colocada fora de campo.

«Eu não vi o início da jogada porque estava de costas para a bola e de frente para a baliza do adversário. Não me apercebi do que havia acontecido no nosso meio campo. Estava muito focado no jogo e quando a bola caiu perto de mim e os defesas reagiram, lancei-me a ela, fintei o guarda-redes e marquei. Afinal, essa é a minha função. Eu sou atacante!», explicou o avançado depois de ter visto o lance na televisão.

A falta de 'fair-play' do brasileiro gerou várias criticas e a UEFA abriu mesmo um inquérito.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.