Declarações de Pedro Martins, treinador do Olympiacos, e Rúben Semedo, central dos gregos, após a derrota com o FC Porto.

Análise ao jogo: "Cometemos dois erros que não podemos cometer a este nível, não aproveitámos as oportunidades e não entrámos bem no jogo. Conseguimos equilibrar e tivemos dez minutos finais da primeira parte muito bons. Na segunda aparecemos com personalidade, a criar situações, só faltou capacidade de decisão e eficácia. A derrota foi definida por detalhes".

Importância do jogo com Manchester City: "É importante vencer e conquistar pontos em todos os jogos. Vamos defrontar o City com a nossa identidade e com o objetivo de roubar pontos".

Ruben Semedo

Como foi o jogo? "Acho que perdemos este jogo por detalhes. Tivemos muita bola em grande parte do jogo, muitas oportunidades, mas não concretizámos e o FC Porto foi feliz quando chegou à nossa baliza em duas ocasiões. A equipa esteve muito bem com bola, mas sem bola... falharam alguns detalhes. Temos que aprender com isso e não cometer os mesmos erros no futuro."

Próximo jogo com o City: "Na Champions nenhum jogo é fácil. Vamos agora pensar neste jogo, ver o que fizemos bem e mal e depois analisaremos o City."

Interesse do Benfica e atuar na Liga dos Campeões: "Já tinha jogado a Liga dos Campeões noutras temporadas e este é sempre o meu foco. Por isso estou feliz por ter ficado."

O FC Porto venceu, esta terça-feira, os gregos do Olympiacos, treinados pelo português Pedro Martins, por 2-0, em jogo da segunda jornada do grupo C da Liga dos Campeões de futebol, garantindo os primeiros três pontos na competição. O jovem Fábio Vieira marcou o primeiro golo da partida, aos 11 minutos, com Sérgio Oliveira, aos 85, a ampliar a vantagem do FC Porto sobre o Olympiacos, que contou com os portugueses José Sá, Rúben Semedo, Rúben Vinagre, Bruma e Pêpê Rodrigues.

Com esta vitória, o FC Porto está em segundo lugar no grupo, com três pontos, os mesmos do Olympiacos, com o Manchester City, de Rúben Dias, João Cancelo e Bernardo Silva, a liderar com seis, depois da vitória de hoje frente ao Marselha, de André Villas-Boas, por 3-0, com os franceses ainda sem pontuar.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.