O presidente do FC Porto mostrou-se muito satisfeito com o triunfo alcançado frente ao Club Brugge e escusou-se a tecer comentários sobre a investigação ao caso dos 'vouchers' no Benfica.

Em declarações após a vitória do FC Porto na Liga dos Campeões sobre o Club Brugge, por 2-1, Pinto da Costa voltou a usar o tom sarcástico para comentar o resultado alcançado pelos 'dragões' na Bélgica.

"Foi bom para as farmácias que vão vendendo mais pastilhas para a azia durante a noite e estamos todos satisfeitos. É importante para Portugal que as equipas vençam os seus jogos nas provas europeias, sejam essas equipas quais forem", afirmou Pinto da Costa no final do jogo.

Questionado sobre o atraso dos 'dragões' no campeonato nacional para o líder Benfica, o líder portista não se mostrou alarmado.

"Num campeonato tão longo, se à 6.ª ou 7.ª jornada estivéssemos preocupados com três pontos atrás ou tranquilos se tivéssemos três a mais... Ainda toda a gente vai perder muitos pontos, até porque o campeonato português está diferente", frisou Jorge Nuno Pinto da Costa.

Já sobre o polémico caso dos 'vouchers' no Benfica, Pinto da Costa recusou tecer comentários por considerar ser um assunto que não diz respeito ao FC Porto.

"Isso não me diz respeito. Eu falo do FC Porto e daquilo que interessa ao clube. Para falarem disso têm os comentadores televisivos", atirou Pinto da Costa.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.