Declarações de Thoms Tuchel, treinador do Chelsea, depois da vitória do FC Porto sobre o Chelsea (1-0), em jogo da segunda mão dos quartos de final da Liga dos Campeões:

Análise: "Foi uma luta difícil, foi complicado escapar à pressão do FC Porto. Eles atacaram de forma fluída e agressiva. Trocavam constantemente de posições e tivemos de nos adaptar às movimentações deles. Defendemos bem e merecíamos terminar o jogo sem golos sofridos. Tivemos as melhores ocasiões, não muitas. No geral, merecemos esta vitória diante do FC Porto, mas foram 180 minutos muito duros. Normalmente, o FC Porto obriga os adversários a jogar abaixo do nível normal. Aconteceu ao Manchester City, na fase de grupos, e também à Juventus. Até ao golo no último minuto, não permitimos muitas ocasiões ao adversário. Foi um prazer assistir a esta luta", disse o técnico alemão à BT Sport.

O FC Porto falhou o apuramento para as meias-finais da Liga dos Campeões, ao vencer por 1-0 no reduto emprestado do Chelsea, em encontro da segunda mão dos quartos de final, disputado em Sevilha.

Após desaire por 2-0 na primeira mão, também no Estádio Ramón Sánchez Pizjuán, a formação ‘azul e branca’, que apenas chegou às ‘meias’ da principal competição europeia em 1986/87, 1993/94 e 2003/04, só conseguiu marcar aos 90+4 minutos, por Taremi.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.