A UEFA ordenou hoje o encerramento parcial do estádio do Atlético de Madrid no próximo jogo frente ao Manchester City, na quarta-feira, para a Liga dos Campeões de futebol, devido ao “comportamento discriminatório” dos adeptos na primeira mão.

De acordo com a decisão do órgão disciplinar competente, que não especifica qual foi o “comportamento discriminatório” dos adeptos espanhóis, o Atlético de Madrid terá de informar, antes da partida, qual o setor do estádio que será fechado ao público, sendo que o mesmo deve incluir, pelo menos, cinco mil lugares, e ainda uma faixa com o ‘slogan’ ‘Não ao Racismo’, com o logotipo da UEFA.

O Atlético Madrid perdeu por 1-0 na terça-feira, na primeira mão dos quartos de final da Liga dos Campeões, no estádio Ethiad, frente ao Manchester City, e vai agora receber os campeões de Inglaterra no estádio Wanda Metropolitano, na capital espanhola, na quarta-feira.

O golo da vitória dos ‘citizens’ foi apontado pelo médio belga Kevin De Bruyne, aos 70 minutos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.