O Inter Milão vai apresentar-se com “grande respeito” pelo FC Porto na eliminatória dos oitavos de final da Liga dos Campeões, disse hoje o ex-futebolista internacional argentino Javier Zanetti, atual vice-presidente do clube italiano.

“Sou otimista por natureza, sobretudo quando as coisas estão difíceis. Temos um grande respeito pelo FC Porto. Se ganhou o seu grupo, significa que fez um bom trabalho. Vão ser dois jogos difíceis. Conheço bem o FC Porto e o meu antigo colega de equipa Sérgio Conceição [treinador do FC Porto, com quem partilhou balneário em Milão], que tem feito um grande trabalho”, observou o dirigente, após o sorteio realizado em Nyon, na Suíça.

O campeão nacional FC Porto, vencedor do Grupo B, começa por defrontar o Inter Milão, segundo do C, no Giuseppe Meazza, em 14, 15, 21 ou 22 de fevereiro de 2023, com a segunda mão prevista para 07, 08, 14 ou 15 de março, no Estádio do Dragão, no Porto.

“Vi os jogos que o FC Porto fez contra o Atlético de Madrid. Estiveram bem e têm atletas interessantes. É difícil criar situações de ataque contra a equipa de Diego Simeone, mas eles colocaram-na em dificuldade e tiveram muitas. Os desafios não serão simples e têm de ser preparados da melhor forma, pois o FC Porto é perigoso do meio-campo para a frente, mas podemos dar o melhor e esperamos estar em forma”, concluiu Javier Zanetti.

Os ‘dragões’, que venceram a prova em 1986/87 e 2003/04, estão pela 13.ª ocasião nos ‘oitavos’, somando cinco passagens (2003/04, 2008/09, 2014/15, 2018/19 e 2020/21) e sete afastamentos (2004/05, 2006/07, 2007/08, 2009/10, 2012/13, 2016/17 e 2017/18).

Já os ‘nerazzurri’, detentores do cetro em 1963/64, 1964/65 e 2009/10, vão disputar esta fase pela 10.ª vez, numa série iniciada em 2004/05, quando afastaram o então campeão europeu FC Porto, com Zanetti titular nos dois embates (1-1 no Dragão e 3-1 em Milão).

“Vão ser duas partidas maravilhosas, em dois estádios cheios e perante público especial, digno de uma prova tão importante. Respeitamos o FC Porto, que é uma equipa que se sai bem na ‘Champions’ há anos. O seu treinador, Sérgio Conceição, foi meu colega na Lazio e conheço-o muito bem. O nosso objetivo é passar e dar um sonho aos adeptos, disputando os ‘quartos’ depois de muito tempo. Os detalhes farão a diferença”, anteviu, por sua vez, o técnico Simone Inzaghi, citado pelo sítio oficial do vice-campeão italiano.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.