Treinador do FC Porto refletiu sobre a diferença de argumentos em relação a clubes como o Manchester City, adversário desta terça-feira.

O FC Porto empatou, esta terça-feira, com os ingleses do Manchester City, 0-0, em jogo da quinta jornada do Grupo C da Liga dos Campeões de futebol, garantindo o apuramento para os oitavos de final. No estádio do Dragão, o jogo terminou sem golos, um resultado que permite ao FC Porto passar aos oitavos de final pela 12.ª vez na sua história, perante um Manchester City, com Rúben Dias, João Cancelo e Bernardo Silva a titulares, que chegou a Portugal já apurado para a próxima fase.

Com este resultado, o FC está em segundo no grupo C, com 10 pontos, a três do líder Manchester City. No outro jogo do grupo, o Marselha, de André Villas-Boas, venceu o Olympiacos, treinado por Pedro Martins, por 2-1. A equipa grega está em terceiro com três pontos, os mesmos que somam os franceses no quarto lugar.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.