O Benfica venceu em casa do AEK Atenas por 3-2, em jogo da segunda jornada do grupo E da Liga dos Campeões de futebol, no qual disputou toda a segunda parte com menos um jogador.

Golos de Seferovic, aos seis minutos, e de Grimaldo, aos 15, permitiram aos 'encarnados' ganhar uma vantagem importante de dois tentos, mas a expulsão, por segundo cartão amarelo, de Rúben Dias, em cima do intervalo, veio complicar a tarefa da equipa portuguesa.

Um 'bis' de Klonaridis, aos 53 e 63 minutos, deixou a pairar no ar a reviravolta grega, mas Alfa Semedo, aos 74 minutos, anotou o terceiro golo benfiquista, determinando o triunfo das 'águias', o primeiro após oito derrotas consecutivas em jogos da 'Champions'.

No final do jogo, o guarda-redes do Benfica, Odisseas Vlachodimos, destacou o esforço dos seus companheiros para sair de Atenas com um triunfo.

"Foi um jogo difícil, mas com um final feliz. Foi muito complicado para nós jogar com 10 jogadores. Lutámos. Estou muito feliz e orgulhoso pela equipa", começou por dizer o guardião alemão de ascendência grega à TVI24.

"Queremos continuar a lutar e ganhar o próximo jogo, alcançar o segundo lugar do grupo. Esta vitória foi excelente, mas agora temos de continuar a trabalhar, a fazer este trabalho exigente", frisou o guardião.

"Foi bom rever o antigo treinador. Conheço muitos jogadores, gente do staff desta equipa e foi bom revê-los, mas queria ganhar. Durante estes 97 minutos não temos amigos. Mas claro que estou feliz por ver tanta gente que te ajudou tanto", sentenciou Vlachodimos.

Com a vitória, o Benfica destaca-se no terceiro lugar do grupo com três pontos, menos um do que o Bayern de Munique e o Ajax, que empataram hoje em casa dos bávaros 1-1, enquanto os gregos são últimos, sem qualquer ponto.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.