O argentino Javier Saviola, aos 63 minutos, e o paraguaio Óscar Cardozo, aos 76, apontaram os tentos do “onze” de Jorge Jesus, que se isolou na liderança do agrupamento, com nove pontos, contra seis dos ingleses, ainda segundos.

A formação “encarnada” está a um triunfo do apuramento, sendo que defronta o BATE Borisov na próxima jornada, na Bielorrússia (02 de Dezembro), e, a fechar, o AEK de Atenas, no Estádio da Luz, em Lisboa (17 de Dezembro).

Ainda na corrida ao apuramento, seguem o AEK de Atenas e o BATE Borisov, que empataram a dois na Grécia e passaram a contar quatro pontos cada um.

O argentino Ismael Blanco adiantou os locais, logo no primeiro minuto, mas, ainda antes da meia hora, os bielorrussos deram a volta ao resultado, com tentos de Vitaliy Rodionov, aos 17, e Maksim Volodko, aos 26.

Antes do intervalo, mais precisamente aos 38 minutos, o brasileiro e ex-benfiquista Gustavo Manduca salvou um ponto, mas não a queda dos gregos para o último lugar, face à vantagem do BATE no confronto directo.

Na próxima ronda, e enquanto o Benfica vai à Bielorrússia, o AEK de Atenas e o Everton defrontam-se na Grécia.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.