Bruno Fernandes pronunciou-se, esta terça-feira, sobre as críticas de quem tem sido alvo por parte de alguns antigos jogadores do Manchester United, que consideram que o português não deveria envergar a braçadeira de capitão do clube.

"Acho que é normal seres criticado quando jogas pelo Manchester United, mesmo quando fazes a coisa certa ou errada. Tenho de lidar com isso. Quando chegas, é tudo perfeito. Quando os resultados não aparecem e as exibições não são as que todos esperam… E os meus números fazem de mim um alvo, por isso não manter os números com golos e assistências, às vezes, é um problema para mim por causa da crítica", começou por dizer o médio, na antevisão ao jogo contra o Galatasaray.

"Agora é a braçadeira, vai sempre haver alguma coisa, mas o meu foco está na equipa e no staff, em todos os que trabalham aqui no dia a dia e tenho a certeza de que estão felizes comigo. A minha maneira de ser é a mesma desde que cheguei. Não mudei por ser capitão. Nunca ninguém teve problemas comigo. Todos aqui estão felizes com a minha liderança", concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.