Marcel Desailly afirmou que fica triste por a carreira de Evra ficar manchada com o episódio em Guimarães onde deu um pontapé a um adepto antes do jogo começar. Em declarações presentes no jornal A Bola, o antigo jogador disse que a carreira de Evra foi enorme.

“Todos sabem que é preciso manter a calma em campo. Estou triste, porque ele teve uma carreira enorme e não gostaria que ele terminasse assim. Ele tem as suas razões. Espero que ele peça desculpas “.

Recorde-se de que o jogador francês esteve envolvido numa cena de pancadaria com um adepto ainda antes do arranque do encontro entre o Vitória de Guimarães e o marselha para a Liga Europa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.