O FC Porto esteve a perder desde o inicio do jogo, mas conseguiu a reviravolta em cinco minutos e continua na luta pelo apuramento para os dezasseis-avos-de-final da Liga Europa depois de vencer o Young Boys por 1-2 com 'bis' de Aboubakar que marcou os seus primeiros golos esta época.

Sérgio Conceição fez quatro alterações na equipa titular quando comparado com o último onze que lançou na vitória por 4-0 contra o Vitória de Setúbal para a Taça de Portugal com as saídas de Diogo Costa, Manafá, Diogo Leite e Fábio Silva para a entrada de Marchesín, Pepe, Marcano e Aboubakar para procurar a tão necessária vitória na Suiça.

Contudo, quem começou a vencer foi o Young Boys. Livre batido por Garcia e Fassnacht a saltar mais alto que a defesa 'azul-e-branca' e a fazer o primeiro da partida na primeira tentativa dos suiços aos seis minutos.

O FC Porto tentava responder, mas só ao minuto 25 conseguiu ter uma grande oportunidade para alcançar o empate: Marega recebeu a bola de Otávio já dentro da grande área, mas Van Ballmoos evitou o empate.

Os 'dragões' sairam para o intervalo envoltos em grande confusão depois da equipa 'azul-e-branca' ficar a pedir grande penalidade por falta de Zesiger sobre Marega na grande área. No meio dos protestos Sérgio Conceição acabou por ser admoestado com um cartão amarelo por Tamás Bognar.

A confusão só aumentou quando o árbitro húngaro não apitou para uma falta sobre Marega segundos antes do apito para o final da primeira parte, com toda a equipa técnica a dirigir-se à equipa de arbitragem depois do apito de Bognar e com o maliano a ter de ser apoiado no regresso aos balneários membros do 'staff' portista.

Marega regressou para a segunda parte, mas o mesmo não aconteceu com Mbemba (já tinha um amarelo) que saiu para dar lugar a Manafá no inicio dos segundos 45 minutos.

O FC Porto esteve perto de chegar ao empate aos 55 minutos, quando Corona finta os defesas suíços mas vê o remate defendido por Von Ballmoos. Na recarga, Marega vê a bola a desviar-se num defesa e a passar muito longe da baliza adversária.

Os 'dragões' iam crescendo e causando mais perigo, mas não traduziam isso em golos que era o que a equipa precisava desesperadamente.

Até que apareceu por fim o golo do empate: Otávio coloca dentro da área para Marega que assiste Aboubakar para o primeiro do FC Porto aos 75 minutos.

Abriu-se o 'ketchup' e Aboubakar que tinha acabado de marcar o primeiro golo na sua época apressou-se a juntar mais um ao histórico desta época, quatro minutos depois.

Pontapé de canto e a bola vai parar a Aboubakar, que surge junto ao poste esquerdo e coloca o esférico de novo no fundo da baliza suíça: estava feita a reviravolta no marcador e o FC Porto ganhava um novo 'balão de oxigénio' na Liga Europa.

O Young Boys ainda atirou uma bola ao poste já em cima do minuto 90, mas a vitória não fugiu à equipa de Sérgio Conceição que somou a segunda vitória nesta edição da Liga Europa e sobe à segunda posição do grupo G a um ponto do Rangers, primeiro classificado com oito pontos, ficando dependente apenas de si mesmo para seguir em frente.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.