O SC Braga garantiu esta quinta-feira o primeiro lugar do Grupo C da Liga Europa, apesar de ter perdido por 2-1 com os turcos do Basaksehir, em jogo da sexta e última jornada da fase de grupos. Visca colocou a formação de Istambul em vantagem logo aos 10 minutos, com Raúl Silva a restabelecer a igualdade aos 55'. Belozoglu, de grande penalidade, sentenciou a partida. Com este resultado, os minhotos são cabeças de série no sorteio dos 16 avos de final, que está marcado para a próxima segunda-feira.

Com o apuramento para a próxima fase garantido na jornada anterior, a equipa de Abel Ferreira procurava esta noite assegurar o primeiro lugar do grupo. Contudo, foi a equipa da casa a sorrir primeiro, com o 1-0 a surgir logo aos 10 minutos: cruzamento de Kahveci para o segundo poste, Jefferson não chega a tempo de cortar e Visca só teve de encostar para o fundo da baliza.

Aos poucos, o SC Braga foi subindo alguns metros no terreno, mas os turcos continuavam a ter mais bola. Aos 22', Jefferson cruzou da esquerda à procura de André Horta, mas o jogador atirou muito por cima. Aos 34', foi a vez de Fábio Martins desperdiçar nova oportunidade de ouro, ao rematar à entrada da área contra o ferro da baliza adversária, com a bola a descer ao solo sem entrar.

Nesta altura, os turcos já jogavam a um ritmo mais baixo, talvez por saberem que o Hoffenheim ganhava ao Ludogorets, o que significava boas notícias para o SC Braga e para o Basaksehir.

A segunda parte começou com duas oportunidades de parte a parte: primeiro foi Xadas, a rematar forte com o pé esquerdo, de fora da área, com a bola a passar perto da trave (48'), depois foi a vez de Caiçara (49'), travado por uma grande defesa de Matheus.

Os minhotos chegariam à igualdade ao minuto 55', por intermédio de Raúl Silva: lance estudado que começa num livre de André Horta, Jefferson cruza para o segundo poste, Bruno Viana amortece de cabeça para Raúl Silva, e o brasileiro, nas alturas, desvia para o fundo das redes.

No outro jogo do grupo, o Ludogorets empatava com o Hoffenheim, o que podia ser perigoso para os minhotos, uma vez que um triunfo dos búlgaros podia ameaçar o estatuto de cabeça de série da equipa de Abel Ferreira.

Mas o pior ainda estava para vir. Aos 77', Bruno Viana corta uma bola dos pés de Visca e depois tenta fazer o mesmo a Mossoró, que simula a queda. O árbitro entende que é falta e assinala o castigo máximo. Na conversão, Matheus ainda adivinha o lado, mas não consegue evitar o 2-1 por Belozoglu.

Logo a seguir, Dyego Sousa, num desvio junto ao segundo poste, permite a defesa a Gunok, com Ricardo Esgaio a acertar no poste na recarga. O árbitro, contudo, já tinha assinalado fora-de-jogo ao brasileiro.

O SC Braga termina assim a fase de grupos no primeiro lugar do Grupo C, com 10 pontos. O Ludogorets, que empatou a uma bola com o Hoffenheim, também segue para os 16 avos de final, com 9.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.