“Já jogámos em Zenit e em Viena com estádios cheios e não foi por ai que não nos saímos bem. Se não se consideram favoritos eu também não, embora saiba que são fortes em casa e têm esse factor a seu favor”, frisou Manuel Machado.

Para o treinador do Nacional, a luta pelo segundo lugar do Grupo L será entre estas duas equipas.
“Os dois jogos com o Bilbao serão determinantes para apurar qual a equipa que irá acompanhar o Bremen, que deverá ficar em primeiro. Quem conseguir quatro pontos nestes dois jogos fica bem para a recta final”, sublinhou Manuel Machado.

O técnico acredita que o “Athletic por estar num campeonato mais exigente, terá um potencial superior no plano técnico, com dois ou três jogadores de grande qualidade técnica, como o Yeste, Susaeta e Llorete”.

Fora do jogo em Espanha está Amuneke, tendo sido chamado Edgar Costa. Cerca de 100 adeptos acompanham a equipa até Bilbao.

O Nacional da Madeira é terceiro do Grupo L, com um ponto, enquanto o Athletic é segundo, com três e as duas equipas defrontam-se quinta-feira, no Estádio San Mamés, em Bilbao.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.