O Lyon regressou este domingo às vitórias, com um triunfo 3-0 na receção ao Angers, para a 32.ª jornada, e manteve a perseguição ao pódio da Liga francesa de futebol, com cinco pontos de atraso para o líder Lille.

Com o guarda-redes português Anthony Lopes na baliza, o Lyon marcou pelo holandês Memphis Depay, aos 21 e 83 minutos, e pelo brasileiro Lucas Paquetá, aos 41, e retomou o regresso aos triunfos, após dois empates e uma derrota na Liga.

O Lyon segue no quarto lugar, com 64 pontos, a um do Mónaco, terceiro, a dois do Paris Saint-Germain, segundo, e a cinco do Lille, primeiro, quando faltam disputar seis jornadas.

O Angers, que somou o quarto jogo consecutivo sem vencer, com dois empates e duas derrotas, ocupa o 11.º posto, com 41 pontos, a um do Metz (10.º, com 42) e a dois do Nice (nono, com 43).

O Mónaco, com o português Gelson Martins no banco, venceu por 3-0 na receção ao Dijon, com golos do montenegrino Stevan Jovetic, aos 49 minutos, e de Ben Yedder, aos 63 e 89, este de grande penalidade, e estendeu para 12 derrotas consecutivas a agonia do lanterna-vermelha.

A formação monegasca segue na terceira posição, com 65 pontos, a quatro do líder Lille e a um do ‘vice’ Paris Saint-Germain, enquanto o Dijon permanece no 20.º e último lugar, com 15, e praticamente despromovido.

O Lens venceu por 4-1 na receção ao Lorient, com golos do congolês Gaël Kakuta, aos 16 minutos, de grande penalidade, Corentin Jean, aos 39, Arnaud Muinga, aos 55, e Simon Banza, aos 88, também de penálti. O Lorient marcou pelo nigeriano Terem Moffi, aos 29 minutos.

Com o português David Costa ainda chamado a participar na conquista dos três pontos, o Lens manteve o quinto posto, com 52, à espreita dos lugares europeus, enquanto o Lorient é 17.º, com 32, sendo a primeira equipa acima da linha de despromoção.

O Rennes, também na luta pelo acesso aos lugares europeus, venceu por 1-0 na receção ao Nantes, com um golo de Martin Terrier, aos 52 minutos, e segue invicto nos últimos quatro jogos, em que somou três triunfos e um empate.

A formação do Rennes segue no sétimo posto, com 48 pontos, a um do Marselha, sexto, e a quatro do Lens, quinto, enquanto o Nantes, na zona de despromoção, é 19.º e penúltimo, com 28.

Nice e Reims, separados por três pontos, empataram 0-0 e aumentaram as suas séries de jogos sem perder. O Nice, de Rony Lopes, soma quatro vitórias e dois empates e o Reims, com seis empates e dois triunfos, já está invicto há oito.

O Nice ocupa a nona posição, com 43 pontos, a três do Montpellier, oitavo, mas já longe pontualmente dos lugares que dão acesso às provas europeias, enquanto o Reims é 12.º, com 40.

O Saint-Étienne venceu por 4-1 na receção ao Bordéus, num jogo entre duas equipas com os mesmos pontos, impondo aos ‘girondinos’, que até marcaram primeiro pelo coreano Hwang Ui-Jo, aos nove minutos, de grande penalidade, a terceira derrota consecutiva.

Um ‘hat-trick´ do tunisino Wahbi Khazri, aos 19 minutos, de penálti, 23 e 71, novamente de grande penalidade, e um golo a ´fechar´ de Zaydou Youssof, aos 81, permitiram ao Saint-Étienne amealhar os três pontos em disputa.

O Saint-Étienne segue no 13.º lugar, com 39 pontos, a um do Reims, 12.º, enquanto o Bordéus é 15.º, com 36, com quatro de vantagem sobre o Lorient, que é o primeiro clube acima da linha de despromoção.

Ainda na luta pela fuga aos lugares de despromoção, o Nimes somou um ponto em casa do Brest (1-1), onde esteve por breves momentos em vantagem, com o golo do senegalês Moussa Koné, aos 11 minutos, até ao empate por Brendan Chardonnet, aos 26.

O Nimes ocupa o 18.º lugar, com 30 pontos, colocação que obriga a um ‘play-off’ de permanência, enquanto o Brest segue duas posições acima, no 16.º posto, com 36 pontos, mas ainda também a tentar afastar-se dos lugares de despromoção.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.