Com objectivo inicial de passagem à segunda etapa, Angola inicia na madrugada de domingo (00.00) a primeira fase do Campeonato do Mundo de futebol em Sub - 17 diante da Nova Zelândia, no Estádio Bezerrão, em Brasília.

A contar para o grupo A, trata-se de um jogo inédito entre os contendores ao nível do escalão, numa prova que termina a 17 de Novembro.

Sobre o adversário, a equipa técnica nacional possui escassas informações, sabendo-se apenas tratar-se de um conjunto que joga em transições rápidas e fisicamente bem dotada.

Antes da estreia na competição, Angola efectuou quatro partidas amistosas em terras brasileiras, com saldo de três vitórias e uma derrota. Marcou oito golos e consentiu apenas um.

Durante o estágio na cidade de Goiânia (Brasil), os Sub-17 perderam o primeiro desafio diante do Equador (0-1), derrotaram o Flamengo (1-0), golearam o Vila FC (6-0) e fecharam o ciclo de particulares com triunfo sobre o Aparecida FC (1-0).

Para a “operação Brasil”, o técnico nacional Pedro Gonçalves elegeu 21 jogadores, sendo três guarda-redes, seis defesas, sete médios e cinco avançados.

Trata-se de Geovani, Cambila e Vicente (guarda-redes); Porfírio, Mimo, Tino, Afonso, Pablo e Gegé (defesas); Maestro, Domingos, Manilson, Pedro, Beni, Netinho e Zine Salvador (médios); Osvaldo Capemba “Capita”, Nelinho, David, Zito Luvumbo e Abdoul (avançados).

O calendário de Angola reserva ainda os encontros contra o Canadá (dia 29) e fecha a primeira fase diante do Brasil (dia 1 de Novembro)

É a terceira vez que Angola participa num Campeonato do Mundo de futebol, depois dos Sub 20, em 2001 e honras em 2006.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.