A França, atual campeã do Mundo, iniciou da melhor maneira a defesa do título, ao golear hoje a Austrália por 4-1, em jogo do Grupo D, disputado no Estádio Education City (Doha), o qual até esteve a perder.

Os australianos surpreenderam logo aos nove minutos, com Craig Goodwin a bater Hugo Lloris, deixando a equipa a sonhar com uma possível surpresa, algo que já tinha acontecido esta terça-feira com a derrota da Argentina frente à Arábia Saudita.

No entanto, os gauleses tiveram sangue-frio e conseguiram dar a volta ainda na primeira parte: Rabiot empatou aos 27' e Giroud completou a 'cambalhota' no marcador aos 32'.

Tudo sobre o Mundial2022: jogos, notícias, reportagens, curiosidades, fotos e vídeos

Na segunda parte só deu França. Após várias tentativas falhadas, Mbappé também juntou o seu nome ao lote de marcadores, assinando de cabeça o 3-1 (e com ajuda do poste) e assistindo, com uma arrancada impressionante, para o 'bis' de Giroud.

O avançado do AC Milan igualou Thierry Henry como melhor marcador de todos os tempos da seleção francesa - tem agora 51 golos.

Com este resultado, a França isola-se na frente do Grupo, com três pontos, sendo seguida por Dinamarca e Tunísia, que empataram 0-0 e têm um ponto cada, enquanto a Austrália ocupa a última posição, sem qualquer ponto.

O SAPO está a acompanhar o Mundial mas não esquece as vidas perdidas no Qatar. Apoiamos a campanha da Amnistia Internacional e do MEO pelos direitos humanos. Junte-se também a esta causa. 

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.