A Argentina, depois do susto na fase de grupos, e os Países Baixos procuram hoje confirmar o favoritismo no arranque dos oitavos de final do Mundial2022 de futebol, frente a Austrália e Estados Unidos, respetivamente.

Os sul-americanos, considerados um dos principais favoritos à conquista do título, protagonizaram talvez o resultado mais surpreendente do torneio até ao momento, ao perderem na estreia no Grupo C com a Arábia Saudita, por 2-1, antes de recuperarem e terminarem, inclusive, no primeiro lugar.

A Argentina, campeã mundial em 1978 e 1986, bateu depois o México por 2-0, com golos de Messi e do benfiquista Enzo Fernández, e a Polónia – que terminou no segundo lugar do grupo e também seguiu para os ‘oitavos’ -, pela mesma margem, apesar de a sua ‘estrela’ ter desperdiçado uma grande penalidade.

Tudo sobre o Mundial2022: jogos, notícias, reportagens, curiosidades, fotos e vídeos

A Austrália também começou com uma derrota pesada ante a França (4-1), mas conseguiu ‘emendar a mão’ com dois triunfos tangenciais, sobre a Tunísia e a Dinamarca, ambos por 1-0, terminando no segundo lugar do agrupamento D, em igualdade pontual com os gauleses, campeões em exercício.

Os Países Baixos tiveram um percurso menos atribulado na ‘poule’ A, que conquistaram sem perder qualquer jogo, impondo-se por 2-0 ao Senegal e ao anfitrião Qatar e empatando 1-1 com o Equador, com o avançado Gakpo a marcar em todos, cotando-se como um dos melhores marcadores da prova, com três golos.

Os neerlandeses, finalistas vencidos em 1974, 1978 e 2010, vão defrontar uma seleção que também está invicta, apesar de só ter vencido uma partida do Grupo B, com o Irão (1-0), tendo empatado com País de Gales (1-1) e Inglaterra (0-0), o suficiente para terminar no segundo posto, atrás dos ingleses.

O jogo entre Países Baixos e Estados Unidos está marcado para as 18:00 (15:00 em Lisboa), no estádio internacional Khalifa, em Doha, enquanto o confronto entre Argentina e Austrália inicia-se às 22:00 (19:00), no estádio Ahmad bin Ali, em Al Rayyan.

Nesta fase, que hoje arranca, está também Portugal, que defronta a Suíça, na terça-feira, pelas 19:00 (em Lisboa), em Lusail, por um lugar nos ‘quartos’.

O SAPO está a acompanhar o Mundial mas não esquece as vidas perdidas no Qatar. Apoiamos a campanha da Amnistia Internacional e do MEO pelos direitos humanos. Junte-se também a esta causa. 

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.