O Argentina-México, da segunda jornada do Grupo C do Mundial2022 de futebol, no Qatar, teve 88.866 espetadores no Estádio Lusail e foi o jogo com mais público em mundiais desde a final de 1994, nos Estados Unidos.

De acordo com os registos divulgados pela FIFA, mais de 88 mil pessoas assistiram no estádio ao triunfo dos sul-americanos sobre os mexicanos, por 2-0, com golos de Lionel Messi e Enzo Fernández (jogador do Benfica), na maior assistência em quase três décadas de mundiais.

Tudo sobre o Mundial2022: jogos, notícias, reportagens, curiosidades, fotos e vídeos

Em 17 de julho de 1994, 94.194 adeptos estiveram no Rose Bowl, em Los Angeles, e assistiram ao vivo à quarta conquista do Brasil de um Campeonato do Mundo, numa final em que os ‘canarinhos’ derrotaram a Itália no desempate por grandes penalidades (3-2), com o histórico penálti falhado por Roberto Baggio, depois do nulo no tempo jogado.

Segundo os dados oficiais da FIFA, o encontro com mais adeptos nas bancadas em mundiais aconteceu em 1950, na final entre Brasil e Uruguai, com 173.850 pessoas a lotarem o mítico Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro, um recorde reconhecido pelo Guinness.

O Uruguai venceu esse jogo por 2-1 e relatos de época indicam que mais de 200 mil pessoas estiveram no Maracanã.

O SAPO está a acompanhar o Mundial mas não esquece as vidas perdidas no Qatar. Apoiamos a campanha da Amnistia Internacional e do MEO pelos direitos humanos. Junte-se também a esta causa. 

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.