O seleccionador mais bem pago, entre os “Mundialistas”, é Fábio Capello (Inglaterra) que aufere 8,8 milhões de euros por ano. Segue-se na lista Marcelo Lippi (Itália), entretanto já demitido, que recebia 3 milhões de euros e Joachim Low com 2,5 milhões de euros por ano.

O técnico português surge no oitavo posto, ao arrecadar 1,6 milhões de euros por ano.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.