A titularidade de Cristiano Ronaldo é um dos temas do momento na Seleção de Portugal. O avançado de 37 anos chegou ao Mundial2022 com o foco em si, após uma explosiva entrevista onde criticou o Manchester United, seu clube até novembro, e ainda o treinador.

Com poucos minutos jogados, nesta que é a sua pior época a nível sénior, o capitão continua a merecer a confiança de Fernando Santos e nem no jogo frente a Coreia do Sul, onde foi poupado meia equipa, CR7 ficou de fora.

Tudo sobre o Mundial2022: jogos, notícias, reportagens, curiosidades, fotos e vídeos

A verdade é que Cristiano Ronaldo tarda em dar rendimento em campo, tal como acontecia no Manchester United e, neste momento, a posição de Fernando Santos começa a ficar fragilizada, pela aposta no avançado.

Sabendo que o selecionador de Portugal não terá coragem de colocar Cristiano Ronaldo no banco, a pergunta que fica é: como aproveitar caraterísticas do avançado em prol da equipa? Óscar Botelho e Tomás da Cunha, comentadores e analistas SAPO Desporto para o Mundial2022, ajudam-nos a perceber melhor essa questão.

O SAPO está a acompanhar o Mundial mas não esquece as vidas perdidas no Qatar. Apoiamos a campanha da Amnistia Internacional e do MEO pelos direitos humanos. Junte-se também a esta causa. 

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.