Em entrevista ao canal de YouTube, 'The United Stand', Antony abordou vários assuntos, entre eles, as críticas das quais tem sido alvo, principalmente por parte de ex-jogadores dos red devils.

"Hoje vejo críticas vindas de ex-jogadores do clube e de outras pessoas na imprensa, que expressam as suas opiniões sem racionalidade e influenciam milhares de jogadores, até quando não jogo. Nunca os vi a fazer uma crítica construtiva, que me ajude a tornar num profissional melhor. Nenhum deles me mandou uma mensagem para saber como me estou a sentir, especialmente durante este período de turbulência que estou a passar. O tribunal digital está a arruinar vidas, contextos são deixados de lado, e a verdade não importa mais", referiu o jogador brasileiro.

O extremo brasileiro admitiu que aceitar e lidar com as constantes críticas não tem sido fácil. O número 21 dos red devils perspetivou uma melhoria ao que à sua prestação durante a época diz respeito. De recordar que, nesta temporada, em 14 jogos, não soma nenhum golo, nem assistência.

"Não está a ser [uma época] tão boa quanto gostaríamos. Estamos instáveis, mas temos muitos jogadores lesionados, peças fundamentais no xadrez do Erik Ten Hag. Quando parte do plantel voltar, vamos melhorar e os resultados também", garantiu.

Antony revelou que cresceu "a admirar o Cristiano Ronaldo" e que "ele é um fenómeno", admitindo ainda que "foi um sonho que se tornou realidade" quando conheceu o internacional português.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.