O Arsenal colocou hoje em risco o apuramento para a Liga dos Campeões da próxima temporada ao ceder em casa um empate 3-3 com o Norwich, na 37.ª e penúltima jornada da liga inglesa de futebol.

Com esta igualdade, cedida a cinco minutos do fim, os “gunners” arriscam-se a ser ultrapassados por Tottenham e Newcastle e a ser mesmo desalojados do apuramento para a “Champions” (terceiro lugar qualifica diretamente e o quarto dá acesso aos “play-off”).

O jogo 900 do treinador Arsene Wenger não ficou nas melhores memórias do técnico gaulês, que pouco depois da primeira meia hora perdeu o internacional gaulês Bacary Sagna, que fraturou a tíbia de uma perna e comprometeu a participação no Euro2012.

Os londrinos até começaram melhor e inauguraram o marcador logo no segundo minuto, por intermédio do israelita Yossi Benayoun, mas permitiram a reviravolta ainda na primeira parte, com os golos do irlandês Wesley Hoolahlan (12) e Grand Holt (27).

Na segunda parte, o Arsenal recolocou-se na frente do resultado, depois de um “bis”, no espaço de oito minutos (72 e 80), do holandês Robin van Persie, que já leva 30 golos no campeonato, tendo reforçado a liderança na lista de marcadores (mais quatro que Wayne Rooney).

Mas, a cinco minutos do final, o galês Steve Morison recolocou a igualdade no marcador e complicou as contas do Arsenal, que espera agora pelos desfechos dos resultados de domingo de Tottenham e Newcastle.

O Tottenham visita o Aston Villa, ainda a correr para garantir a permanência no primeiro escalão, enquanto o Newcasttle recebe o Manchester City, que partilha a liderança com o “vizinho” United, ambos com 83 pontos a duas jornadas do fim.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.