Gareth Bale garante que deixou o Real Madrid sem qualquer rancor e salienta que cresceu como jogador nos 'merengues'. O internacional galês, porém, reconhece que viveu tempos difíceis nas últimas temporadas em Espanha, em que esteve debaixo de grande pressão por parte de imprensa e adeptos.

"Não tenho qualquer rancor. Tento apenas jogar futebol, é tudo o que posso fazer e tudo o que digam de fora está fora do meu controlo. Como disse, não guardo rancores pelo que fiz, tudo o que possam dizer é da responsabilidade de quem diz. Eu tenho a minha opinião e a minha família sabe quem eu sou, só isso é que me preocupa", começou por afirmar o jogador cedido esta época pela turma de Madrid ao Tottenham de José Mourinho em entrevista à SkySports.

Apesar das quatro Ligas dos Campeões conquistadas no Santiago Bernabéu, Bale ademite que houve momentos complicados e nem tudo correu bem. "Tive de crescer como pessoa. Aprender a lidar com situações em que fui confrontado. Estive em situações de grande pressão. Tive pessoas a assobiar-me em campo. Tive de aprender a lidar com essas situações, não as levar a sério, fechar o coração e seguir em frente", explicou

Bale garante, contudo, que não se sente afetado e mostra-se determinado a dar o seu melhor pelo Tottenham. "O futebol é assim. É algo que continuo a adorar e em que preciso de dar o meu melhor. Às vezes é tudo o que podemos fazer", terminou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.