Depois da exibição, o Billy Gilmour recebeu elogios por parte de Frank Lampard e o jovem escocês aproveitou para recordar um caso de bullying ocorrido em outubro passado.

Gilmour recuou até ao encontro com o Manchester United, para a Taça da Liga e o duelo com Harry Maguire, defesa dos red devils. "Empurrava-me e agarrou-me pela garganta. Dizia-me que eu era apenas um rapaz pequeno. Não permitirei que volte a acontecer. Ele vai tentar fazer bullying aos mais novos e é aí que tenho de aprender como ser mais forte. Tenho trabalhado nisso e só posso melhorar. O momento em que ele me agarrou na área para mim foi de aprendizagem, disse Gilmour, que tem 1,68 metros.

O referido encontro acabou com a vitória do Manchester United por 2-1. Gilmour lá aprendeu a lição. Parece estar a evoluir e já leva seis encontros pela equipa principal do Chelsea na atual temporada.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.