Carlo Ancelotti decidiu fazer uma pausa na carreira depois de consumada a rescisão com o Chelsea. 

«Com excepção feita a um período de seis meses, estou no activo desde 1995. Vou parar, viajar, actualizar-me e ver como trabalham os meus colegas», afirmou o treinador italiano ao jornal La Stampa.

Questionado sobre hipotéticos convites de clubes da Liga inglesa e da Roma, Ancelotti negou, mas prometeu chegar um dia ao comando da formação da capital transalpina. 

«Um dia vou treinar a Roma. Já o disse e repito. Mas ainda é cedo», confessou Ancelotti, que comentou ainda a possível contratação do espanhol Luís Enrique (ex-Barcelona B) para o comando da Roma. Para Ancelotti, é impossível repetir o sucedido com a aposta do Barcelona no então inexperiente Pep Guardiola: «Lá funciona porque tudo parte da formação. E têm paciência».

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.