O Swansea continua a acumular resultados negativos na Liga Inglesa. Este fim-de-semana, a formação galesa perdeu em casa com o Stoke City e caiu para o último lugar. O ambiente no balneário não é o melhor e, após a derrota com os ´potters`, ficou ainda pior, com alguns jogadores a trocarem agressões entre si. Foi Martin Olsson, defesa do Swansea, quem confirmou os confrontos.

"Foi um daqueles dias em que as frustrações vieram ao de cima. São coisas que acontecem - e que tinham de acontecer, no bom sentido. As coisas aqueceram, mas no bom sentido. Todos nós temos de acordar enquanto equipa e de começar a correr uns pelos outros, na defesa e no ataque - criando oportunidades -, como fizemos no final da época passada. Foram ditas algumas palavras, mas com boa intenção", contou o lateral esquerdo à imprensa britânica.

O último lugar na Premier League é algo que desagrada e muito ao lateral sueco, mas Olsson conta que é preciso todos estarem a ´remar na mesma direção`.

"Não ficamos preocupados [por estar na zona de despromoção], ficamos é zangados. Agora é tempo de arregaçar as mangas e de ninguém se esconder. Temos de ser homens e lutar dentro de campo", contou.

Sobre a derrota com o Stoke, Olsson explicou que os jogadores têm de ouvir o treinador.

"Queríamos jogar de forma mais agressiva na frente. Fizemo-lo nos primeiros 20 minutos, mas depois deixamos de o fazer. O treinador disse-nos o que fazer. Temos de o ouvir. Sabíamos que eles iam jogar bolas longas e tínhamos de saber lidar com isso, mas nós oferecemos o primeiro golo. Mas é simples, são sempre erros estúpidos. É frustrante. E não queremos estar sempre a repetir a mesma coisa", atirou.

O Swansea, onde joga o português Renato Sanches, caiu para o último lugar da Premier League com nove pontos em 15 pontos. Frente ao Stoke, Bony colocou a equipa em vantagem aos três minutos, mas Xherdan Shaqiri (36') e Mame Biram Diouf (40') viraram o resultado a favor do Stoke ainda no primeiro tempo, garantindo assim os três pontos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.