Ashton partiu o tornozelo esquerdo enquanto treinava com a selecção inglesa em Agosto de 2006, antes de um jogo particular com a Grécia.

Desde então, o jogador fez várias cirurgias mas foi incapaz de recuperar, tendo recebido conselhos médicos para acabar a carreira.

Em declarações para o site oficial do clube, o presidente do West Ham, Scott Duxbury afirmou: “Este é um dia muito triste para nós e estamos a pensar em Dean.”

O empresário do jogador de 26 anos, Darren Bossons, rejeitou comentar os rumores de que Ashton irá processar Shaun Wright-Phillips, que causou a lesão, mas a Associação de Jogadores Profissionais de Futebol (AJPF) espera que tal não aconteça.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.