Ryan Giggs revelou que não recebeu nenhum convite do treinador português José Mourinho para integrar a equipa técnica do Manchester United.

“Não recebi nenhuma oferta de Mourinho. Nenhuma oferta. Assim que Louis Van Gaal partiu também decidi partir. Queria ficar três anos, mas acabou por não acontecer”, afirmou Ryan Giggs, em declarações ao Manchester Evening News.

“Neste momento estou muito satisfeito com a minha vida. Sempre disse que iria enveredar pela carreira de treinador, mas não tenho pressa e não estou desesperado. Quando chegar o trabalho certo vou aceitar”, acrescentou sobre uma futura oportunidade.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.