A decisão de adiar o jogo da Premier League, surge depois do presidente do Olympiacos, Evangelos Marinakis, ter sido diagnosticado com a doença 13 dias depois da equipa grega ter jogado contra o Arsenal, em Londres, no passado dia 27 de fevereiro.

Num comunicado publicado no site oficial, o Arsenal refere que identificou vários jogadores que se encontraram com o proprietário do Olympiacos imediatamente após o jogo da Liga Europa.

"Os médicos explicaram que o risco de os jogadores terem contraído o vírus Covid-19 é extremamente baixo. No entanto, seguimos rigorosamente as diretrizes do governo, que recomenda que qualquer pessoa que tenha estado em contato próximo com alguém com o vírus, permaneça isolado em casa por 14 dias desde a última vez que tiveram contato", lê-se na publicação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.