Houve um momento de alguma tensão entre Jurgen Klopp e um jornalista na entrevista, ainda no relvado, que se seguiu ao triunfo do Liverpool por 2-0 no terreno do Sheffield United, na noite de quarta-feira.

Marcus Buckland, repórter da Amazon, questinou com alguma ironia o técnico alemão sobre o horárioo do próximo jogo dos reds, sábado, pelas 12h30, em casa do Crystal Palace, referindo que esse seria o "horário preferido" de Klopp.

O germânico não gostou da ironia e respondeu: "És muito corajoso por fazeres uma piada sobre isso. Agora vamos para casa. Não sei exatamente que horas são, mas devemos chegar à uma ou duas da manhã. Depois jogamos novamente. Temos mais duas sessões de treino", sublinhou o técnico germânico, deixando depois mais algumas farpas.

"Mas apercebo-me que não entendes isso também, mesmo trabalhando no meio do futebol, por isso vou tentar explicar-te outra vez. Se fazes uma piada sobre este assunto és completamente ignorante. Mas é bom futebol, bom entretenimento. Está tudo bem", frisou Klopp.

Marcus Buckland ainda se tentou justificar, garantindo que não quis ser desrespeitoso com a sua questão. Klopp, ainda assim, prosseguiu.

"Está tudo bem. Tu podes dizer o que quiseres, mas eu não posso dizer o que eu quero, porque teria um significado completamente diferente", terminou, abandonando de seguida o local.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.