Roy Keane, um dos grandes jogadores que passou pelo Manchester United, raramente ficou a perder numa entrada sobre um jogador, mas o agora comentador televisivo viu-se obrigado a dar um passo atrás, depois de Jurgen Klopp o ter criticado por ter dito que a exibição do Liverpool na vitória sobre o Arsenal por 3-1 foi "desajeitada".

Klopp atirou-se à observação de Keane depois da vitória da sua equipa, que manteve o registo 100% vitorioso depois de três jogos.

"Eu ouvi bem? O Sr. Keane disse que fizemos uma exibição desajeitada esta noite? Ele disse isso?", disse Klopp.

O antigo capitão do United e da República da Irlanda não respondeu diretamente à questão: "Penso que permitiram uma ou duas oportunidades, que devem de desaponta-lo", disse o comentador de 49 anos.

Kloop, que venceu a Champions League com o Liverpool em 2019 e o seu primeiro título da Premier League na última época, continuou com o assunto. "Ele disse que fomos desajeitados? Quero ouvir", disse o alemão de 53 anos, "Não tenho a certeza se ouvi bem, ou se ele estava a falar de outro jogo. Não pode ser deste jogo. Desculpa, mas isso é um descrição incrível deste jogo".

Klopp descreveu a exibição da sua equipa contra o Arsenal como "excecional". "Não há nada de mal a dizer sobre o jogo desta noite", disse Klopp, "foi o oposto de desajeitado".

Keane tentou acalmar a situação, algo que não é comum no ex-jogador: "Penso que me ouviu mal", disse. "Existiram momentos desajeitados mais penso que foram incríveis e só tenho louvado o clube. Penso que não me ouviu bem, precisa de ouvir o resto".

Klopp riu-se e disse "Eu vou, de certeza".

Keane, contudo, foi o último a rir-se, depois do treinador do Liverpool sair da entrevista: "Muito sensível ele, não é? Imaginem se tivesse perdido".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.