A Liga inglesa de futebol vai rever os procedimentos de assistência médica nos estádios após o médio do Bolton Fabrice Muamba ter sofrido um ataque cardíaco em campo, disse hoje o chefe executivo Peter Scudamore.

Scudamore elogiou o “staff” médico por ter salvado a vida de Muamba durante o jogo com o Tottenham, a contar para os quartos de final da Taça de Inglaterra, e quer garantir que todos os jogadores recebam o melhor apoio possível.

Especialistas avançam que o rápido tratamento que o jogador recebeu terá provavelmente impedido que sofresse danos cerebrais, mostrando melhorias nos cuidados nos estádios ingleses, depois das críticas aquando da lesão do checo Petr Cech, guarda-redes do Chelsea, que sofreu um traumatismo craniano há cinco anos.

José Mourinho, o então treinador dos “blues”, teceu duras críticas ao atraso na ambulância que levou Cech para o hospital e uma queixa oficial do Chelsea levou a que a “Premier League” e a Federação inglesa revissem as medidas de assistência médica.

Uma das alterações foi a presença de ambulâncias nos estádios para uso exclusivo dos jogadores e a presença de médicos em todos os jogos.

«Se existem formas de tornar as coisas melhores no futuro – como fizemos em 2006/07 com o acidente de Petr Cech –, faremos tudo para nos assegurarmos de que chegaremos ao ponto da eliminação, se isso for possível, de situações como esta. Não há garantias, mas faremos o que podermos para melhorar», disse Scudamore.

O chefe executivo admitiu também que o acidente de Cech foi um alerta para a “Premier League”, admitindo que os últimos três dias têm sido «particularmente difíceis, principalmente para as pessoas mais próximas de Muamba».

Amigos e familiares do jogador, que o visitaram na segunda-feira no hospital, três dias depois do acidente, dizem que ele já fala e já se mexe.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.