O Manchester City, regressou hoje aos triunfos, na semana em que foi afastado da Liga dos Campeões pelo Liverpool, e pode sagrar-se campeão inglês de futebol já no domingo.

Os pupilos de Pep Guardiola foram a Wembley ultrapassar um dos últimos 'ossos' da reta final da Premier League, com 3-1 ao Tottenham, e serão campeões ainda nesta 34.ª jornada se o Manchester United perder com o West Bromwich, o lanterna vermelha.

A diferença de pontos entre o City e os comandados de José Mourinho é agora de 16 pontos, sendo que as equipas têm um e dois jogos a menos, respetivamente, neste momento.

Eliminados da Taça de Inglaterra e da 'Champions' e já vencedores da Taça da Liga, os 'citizens' só têm um objetivo de época, o campeonato.

Já podia ter feito a festa há uma semana, mas perderam o dérbi de Manchester, e agora o mais provável é que o consigam no dia 22, na receção ao Swansea, de Carlos Carvalhal - isto se os 'red devils' não tropeçarem antes, contra West Bromwich ou Bornemouth.

Guardiola não poupou no 'onze' de hoje, a que só faltou mesmo o lesionado 'Kun' Aguero, e a equipa respondeu bem, ante o quarto classificado da prova.

Aos 22 minutos, Gabriel Jesus adiantou o City e pouco depois Güngodan fez o segundo, na conversão de uma grande penalidade.

Ainda na primeira parte, Eriksen reduziu, aos 42, dando novo ânimo aos 'Spurs', como bem se viu no segundo tempo. Mas Sterling, aos 72, deu o golpe final que mantém a equipa de Manchester com a missão principal da época quase cumprida.

Bernardo Silva jogou os últimos 14 minutos, já com o resultado fixado.

O Tottenham atrasa-se perigosamente na 'corrida' ao terceiro lugar, já que o Liverpool se impôs ao Bornemouth, por 3-0.

O Liverpool chega aos 70 pontos, a um do United e com mais três que o Tottenham. Na luta para o quarto lugar, os 'spurs' ainda levam clara vantagem sobre o Chelsea, mas o avanço é agora de sete pontos, depois da vitória daqueles em Southampton, por 3-2, com uma bela recuperação a 'virar' o 2-0 que se registava aos 70 minutos.

Na luta pela permanência, o Swansea amealhou mais um ponto, ao empatar em casa com o Everton, por 1-1.

A equipa de Carvalhal, que já foi destacada última, tem agora 33 pontos e é 17.ª, a primeira posição acima da linha de descida, mas cinco pontos distante do 18.º, que é o Southampton, cuja derrota 'veio mesmo a calhar' para os galeses.

Também hoje, o Burnley ganhou 2-1 ao Leicester (com Adrien Silva), o Crystal Palace ao Brighton por 3-2 e o Huddersfield ao Watford, por 1-0.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.