Depois de confirmada a descida do Hull City à segunda divisão, Marco Siva reconheceu que se trata de "um dia muito triste" para os tigers.


"É um dia muito triste para o clube. Demos o nosso melhor para fazer algo diferente nestes últimos quatro meses. Tentámos tudo, mas agora é o momento para o clube perceber porque é que isto aconteceu", afirmou o técnico em declarações à Sky Sports.

Questionado sobre se o clube foi prejudicado pelas arbitragens nos últimos jogos, o técnico não se quis desculpar com esse facto.

"Não é o momento para arranjar desculpas. Sentimos que nos últimos quatro, cinco jogos aconteceram muitas coisas ao nosso clube. Não vou falar das situações (...)., " disse.

Em relação ao futuro, Marco Silva referiu que ainda tem que falar com o presidente.

"Vamos ver. É o momento para analisar a época com o presidente. Vamos ver o que acontece".