O treinador do Tottenham, o português José Mourinho, disse hoje que o futebolista holandês Steven Bergwijn deve falhar o resto da temporada, depois de ter contraído uma entorse no tornozelo esquerdo.

Na conferência de imprensa de antevisão do jogo com os alemães do Leipzig, para a segunda mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, Mourinho foi logo questionado sobre a situação do avançado e não evitou alguns sorrisos, perante mais um problema físico que afeta o plantel dos ‘spurs’.

“O Steven [o técnico sorriu, hesitou na resposta e perguntou ao assessor de imprensa se queria responder]. Não prevejo que volte a jogar mais esta temporada”, afirmou Mourinho aos jornalistas.

Contudo, o técnico luso recusou apontar o azar como causa para esta onda de lesões: “A lesão do Harry Kane foi a única que não foi traumática. Foi típica do período de dezembro na ‘Premier League’. Os restantes, tiveram todos lesões traumáticas: Lloris, Sissoko, Son. É o que é. Estamos habituados. As primeiras lesões preocuparam-nos, mas, quando temos três ou quatro lesionados, ter cinco, seis ou sete já não é problema. Estamos confiantes”.

O Tottenham informou hoje, através do site oficial, que Steven Bergwijn “sofreu uma entorse significativa no tornozelo esquerdo” durante a partida (1-1) contra o Burnley, da 29.ª jornada da Liga inglesa, no sábado.

De acordo com a mesma nota, o avançado holandês, de 22 anos, contratado ao PSV Eindhoven no mercado de inverno, “passará agora por um longo período de reabilitação”, não podendo dar o contributo à equipa, na terça-feira, diante dos alemães do Leipzig, que no jogo da primeira mão venceram por 1-0, em Londres.

Além de Bergwijn, José Mourinho não pode contar com o francês Sissoko, o sul-coreano Son e o inglês Harry Kane, todos lesionados há várias semanas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.