Na antevisão ao jogo do Wolverhampton frente ao West Ham, Nuno Espírito Santo deixou críticas à forma como se encontra organizado o calendário das competições em Inglaterra.

"É uma loucura, este agendamento não faz sentido. No nosso caso, somos a equipa que tem mais competições e vamos jogar com um intervalo de 45 horas, é absurdo", disse, em declarações reproduzidas pelo jornal inglês 'Daily Mail', acrescentando ainda as discussões que já ocorrem com a Federação Inglesa.

"É um dos assuntos que surge sempre que temos uma reunião com a FA (Federação Inglesa), tentamos fazê-los entender o que isto faz aos jogadores. É desumano, a quantidade de jogos que temos, se juntarmos isso com os jogadores internacionais torna-se realmente difícil. Nós esperamos que a FA (e a Premier League) atendam a esses pedidos e encontre uma solução", afirmou.

O Wolverhampton tem oito jogos marcados no mês de dezembro, tendo realizado já um no passado domingo (vs Sheffield United 1-1) sendo que a última semana do mês guarda dois jogos com menos de 48 horas de diferença: contra o Manchester City, a 27 de dezembro às 19h45 e contra o Liverpool, a 29 de dezembro às 16h30.

"Se alguém vier e disser 'olha, esta é a razão [para o calendário ser assim]', eu vou tentar perceber mas neste momento não faz sentido", concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.