O clube admitiu a possibilidade de vender jogadores depois do encerramento do “mercado”, em 31 de janeiro, para fazer face à grave situação financeira que atravessa, tendo já enviado um pedido nesse sentido à Premier League.

De acordo com o portal da BBC, o pedido do clube é de difícil aceitação pelos responsáveis da liga inglesa, uma vez que é a FIFA que regula os mercados de transferências.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.